Essa TPM me deixa tão melancólica. Acordei com vontade de fazer nada, numa prequiça sem fim, mau humor e dor de cabeça. Fiquei o dia todo na frente do computador e no final do dia, arrependida por não ter feito nada...que droga! Preciso colocar minha vida em dia, atualizar meu currículo, fazer uns contatos e sacudir a poeira. Se eu pudesse escolher uma música para o dia de hoje, seria..."Mas um dia desses vou fugir de casa e não volto, e não volto, vou bater as asas e só levar comigo o retrato do meu gato, companheiro desta minha melancolia, eu e meu gato, ele na cama, eu no telhado, ele sem as botas e eu sem grana" [Rita Lee].

Pessoal peço desculpas para quem tiver blog do weblogger, mas infelizmente eu não consigo deixar comentários devido ao programa que instalei  no meu computador anti-spyware e pelo jeito dá conflito com este tipo blog. Então sugiro que deixem o e-mail e mandarei meus comentários através dele.



Rosana esteve no divã às 00h00
[ ] [ ]


Tenho dormido pouco desde minha idéia do livro. Não sei porquê, mas acordo no meio da noite com algumas idéias sobre diálogos entre os personagens, cenários, frases sendo ditas, contexto do livro e etc. Nunca escrevi um livro e sinto que meus pensamentos trabalham 24 horas por dia. Já fiz um esboço dos assuntos que pretendo abordar juntamente com algumas anotações. Por coincidência assisti neste fim de semana o filme Alex & Emma que retrata sobre um escritor que tem um mês para escrever seu livro, caso contrário sua vida corre perigo, mas ele conta com a ajuda de Emma.

Sempre me surge uma dúvida, vou conseguir fazer um livro realmente interessante, com uma personagem que despertará a curiosidade dos leitores ou será mais um dentre tantos outros lançados mensalmente nas livrarias?



Rosana esteve no divã às 12h39
[ ] [ ]


Aqui estou eu ouvindo minha banda favorita, U2! Hoje de madrugada tive uma idéia um tanto quanto bizarra, escrever um livro. O personagem principal seria baseado em uma amiga (ela ainda não sabe disso) e eu iria falar sobre seu dia a dia, seus amores, suas neuroses e frustrações, pois coisas engraçadas e diferentes acontecem sempre com ela. Não sei se essa história é maluquice minha, mas sempre tive vontade de escrever um livro e não sabia sobre o quê. Bom o assunto eu já arrumei, mas agora me pergunto se não estou "viajando na maionese" porque escrever um livro é coisa séria e isto foi uma idéia completamente repentina que tive. Será que são sinais da borboleta já fora de seu casulo? Aliás eu tenho a mania de ficar pensando "será que..." e meu marido sempre me diz "para de pensar isso e vai em frente, não pensa, faz!". Vou começar a escrever mesmo sem saber onde isso tudo vai dar..."Coisa que gosto é poder partir sem ter planos"


Rosana esteve no divã às 14h49
[ ] [ ]


 

Consertei a foto!



Rosana esteve no divã às 14h40
[ ] [ ]


 

Acordei diferente, aliás acordei as 05:40h e não consegui mais dormir...pensei sobre mim e tudo que está acontecendo e aqui estou eu pronta para vida. Agradeço as palavras amigas que todos têm deixado aqui, amigos novos e antigos...enfim amigos! Acho que minha fase borboleta está chegando ao fim, e está mais que na hora de sair do casulo e voar bem alto, alcançando as estrelas, os planetas e todo o universo. Sei que voar pode machucar, magoar, posso perder as asas e quem sabe as antenas, mas a felicidade está onde você quer vê-la.

"Mande notícias do mundo de lá
Diz quem fica
Me dê um abraço
Venha me apertar
Tô chegando
Coisa que gosto é poder partir
Sem ter planos
Melhor ainda é poder voltar
Quando quero

Todos os dias é um vai-e-vem
A vida se repete na estação
Tem gente que chega pra ficar
Tem gente que vai pra nunca mais
Tem gente que vem e quer voltar
Tem gente que vai e quer ficar
Tem gente que veio só olhar
Tem gente a sorrir e a chorar

E assim, chegar e partir
São só dois lados
Da mesma viagem
O trem que chega
É o mesmo trem da partida
A hora do encontro
É também despedida
A plataforma dessa estação
É a vida desse meu lugar
É a vida desse meu lugar
É a vida"

[Milton Nascimento]



Rosana esteve no divã às 15h49
[ ] [ ]


Mais um fim de semana se passou e cá estou eu na segunda-feira e sem saber o que fazer. Sinto tanto a falta da minha terapeuta, daquele espaço que era só meu uma vez por semana, onde eu falava sobre certos assuntos e sentimentos que tanto me angustiavam. Agora não tenho mais a Márcia aqui e além de tudo virei a psicóloga de todo mundo. Não me arrependo das coisas que faço, mas sinto muita saudades de ter uma casa em São Paulo, em sair a noite nesta cidade que funciona 24 hs por dia, em rever alguns amigos e falar besteiras, em andar pela Av. Paulista aos domingos e comer um acarajé na barraquinha em frente ao Parque Trianon, em entrar nas livrarias e ficar por horas escolhendo e lendo alguns livros. Também sinto a falta de meus gatinhos que estão com meu cunhado, da minha família que agora falo mais por telefone. Bom...chega de lamentações e bola pra frente, porque a vida continua...



Rosana esteve no divã às 11h43
[ ] [ ]


 

Essa é para o dia dos namorados atrasado, não estava em casa e não tive como postar!!!



Rosana esteve no divã às 12h47
[ ] [ ]


Estou decidindo o que quero fazer e aos poucos me direcionando para isso. Depois de tanto me martirizar, descobri que não adianta querer entrar num mestrado sem base teórica, afinal não quero um título e sim fazer algo que gosto. Decidi continuar indo ao HC, deixar as maluquices do professor de lado e pensar em algo que realmente possa ser útil para mim e para as pessoas que por lá passam. Quero dar aula, mas tenho que começar de uma maneira mais light. Para mim é difícil tomar certas decisões, porque tenho a mania de querer fazer tudo ao mesmo tempo e nem sempre as coisas funcionam dessa maneira. É engraçado como ir a São Paulo mexe tanto comigo, começo a pensar mais no meu futuro e tenho contato com um mundo mais real e por mais que eu tente fugir, é lá que estão minha família e amigos. Ribeirão Preto está sendo uma fase na minha vida, onde conheci muitas pessoas, mas não me encontrei por aqui. Então só me resta fazer proveito do que a situação me oferece... estudar.

Ouvindo Adriana Mezzadri ...Marcas de Ayer

 



Rosana esteve no divã às 11h18
[ ] [ ]


Voltei de São Paulo e já estou com saudades. Matei a saudade de ver o Bono e a Madonna (meus gatos) e de ficar com a minha família. Aproveitei para pintar meu cabelo, agora ele já tem uma cor definida. Fui almoçar, jantar e papear com as pessoas que gosto e que sinto muito a falta aqui em Ribeirão. Mais uma vez o Marcelo me disse coisas que me fizeram repensar sobre minha vida profissional e escolar. Realmente não sei o que farei, mas com certeza não posso ficar parada.



Rosana esteve no divã às 23h34
[ ] [ ]


O HOMEM E A MULHER

O homem é a mais elevada das criaturas,
A mulher é o mais sublime dos ideais.
Deus fez para o homem um trono,
Para mulher, um altar.
O trono exalta,
O altar santifica.
O homem é o cérebro;
A mulher o coração.
O cérebro fabrica luz,
O coração produz o Amor.
A luz fecunda, o Amor ressuscita.
O homem é forte pela razão,
A mulher é invencível pelas lágrimas.
A razão convence,
As lágrimas comovem.
O homem é capaz de todos os heroísmos;
A mulher, é capaz de todos os martírios.
O heroísmo enobrece,
O martírio sublimiza.
O homem tem a supremacia,
A mulher a preferência.
A supremacia significa a força,
A preferência representa o direito.
O homem é um gênio, a mulher um anjo.
O gênio é imensurável,
O anjo é indefinível.
A aspiração do homem é a suprema glória.
A aspiração da mulher é a virtude extrema.
A glória tudo engrandece,
A virtude tudo diviniza.
O homem é um código,
A mulher, um evangelho
O código corrige, o
O evangelho aperfeiçoa.
O homem pensa,
A mulher sonha.
Pensar é Ter no crânio uma larva
Sonhar é Ter na fronte uma auréola.
O homem é um oceano,
A mulher um lago.
O oceano tem a pérola que adorna,
O lago, a poesia que deslumbra.
O homem é a águia que voa,
A mulher o rouxinol que canta.
Voar é dominar o espaço.
Cantar é conquistar a alma.
O homem é um templo,
A mulher é o sacrário.
Ante o templo nos descobrimos,
Ante o sacrário nos ajoelhamos.
Enfim, o homem está colocado onde termina a terra.
A mulher onde começa o céu.  [Victor Hugo]

 

 

 

 



Rosana esteve no divã às 09h34
[ ] [ ]


 
"O que seria do mundo se todos fossem bem ajustados? Haveria um tédio sem fim".
[Carl G. Jung]


A Dona do Divã

Psicóloga, paulistana e casada, toda semana compartilha seus pensamentos e reflexões em seu divã.


E-mail

psicologanodiva@gmail.com

MSN

psicologanodiva@hotmail.com

Outros Divãs

Café Paris
Coisitas da Vivi
Converse Com Meus Neurônios
Cora Carolina
Kalleidoskópio
Levando a Vida
Montanha Father
Pão Francês
Um Ringue Para Dois



O Passado

01/09/2006 a 30/09/2006
01/08/2006 a 31/08/2006
01/07/2006 a 31/07/2006
01/06/2006 a 30/06/2006
01/05/2006 a 31/05/2006
01/02/2006 a 28/02/2006
01/11/2005 a 30/11/2005
01/10/2005 a 31/10/2005
01/09/2005 a 30/09/2005
01/08/2005 a 31/08/2005
01/07/2005 a 31/07/2005
01/06/2005 a 30/06/2005
01/05/2005 a 31/05/2005
01/02/2005 a 28/02/2005
01/01/2005 a 31/01/2005
01/12/2004 a 31/12/2004
01/11/2004 a 30/11/2004
01/10/2004 a 31/10/2004
01/09/2004 a 30/09/2004
01/08/2004 a 31/08/2004
01/07/2004 a 31/07/2004
01/06/2004 a 30/06/2004
01/05/2004 a 31/05/2004


Observadores



Créditos

Babi